Domingo, 18 de Março de 2012

Descalça....................

 

 

 

Descalça....pé ante pé... escada em caracol com laivos de reflexos que riscam o vitral da clarabóia...
Olha o súbito  enrolar de escadas em caracol até ao azul do vidro que mostra o céu...
Uma pomba bate as asas e desenha sombras rápidas nos degraus....
para baixo já ficou o fundo da casa  abandonada há tantos anos, ...desde aquele dia...
Mais depressa ou em passes de balé? ...descalça degrau a degrau....Suspenso o silêncio da casa toda aguardando no cimo a descoberta.....

No vitral as cores de todos os sonhos da infancia...os das partidas...os das chegadas...os dos livros escondidos no sótão...dos baús velhos da avó....os risos dos primos pela casa...o jogo de escondidas pelas teias de aranha.... a maçaneta da porta já no reflexo azul do vidro da cor do infinito...

a maçaneta em forma de meia lua....a porta e o segredo...o metal à espera que alguém o vá polir a avó a dizer para não estragarem o dourado da maçaneta.....só para eles não a poderem abrir ...à porta.....

descalça chegou ao cimo... abriu.... e entrou............. a Saudade dormitava sobre o baú velho e o sonho sorria pendurado num reflexo de luz de cristal........................

 

ACCB

__________________

escrito no papiro por ACCB às 01:01
link do post | Escreva no Papiro | juntar aos escribas

De Perfil

Sobre mim

Sou alguém que escreve por gostar de escrever. Quem escreve não pode censurar o que cria e não pode pensar que alguém o fará. Mesmo que o pense não pode deixar que esse limite o condicione. Senão: Nada feito. Como dizia Alves Redol “ A diferença entre um escritor e um aprendiz, ou um medíocre, é que naquele nunca a paixão se faz retórica.” online

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

últimos papiros

..... e havia uma paisage...

Dois Epigramas

Partimos cada dia...........

Dia 11.11.2017

A rectidão das linhas

Para ser Perfeito

Miró

Caminhos

Paris , o pintor de rua e...

O temporal esta noite.......

Para ti

Engolir o Universo

Para o raio que os partis...

Eu sou a tempestade

fotos antigas a 3 de Junh...

Depus a Máscara

Fundamento

Berlim

A cadeira

Empatias

ESPLANADA

Pai

Aquele traço de escrita

Pássaros

Amigo não é nada disso

Filhos.....

Obama

A propósito de Trump

Choveu

Desiderata

8 de janeiro 2014 9 Jane...

Um texto que dá que pensa...

Para Fazer o Retrato de u...

Poema pouco original do m...

Poema de Jenny Londoño

Tons de escrita

Super Lua

No dia 11.11.2016 - 58 an...

10.11.2016

"May be ...... the price ...

Não peças a quem pediu

Noite....

....contemplação....

Como é um alentejano?

Que se dane a regra e o p...

Sílaba súbita

É nos olhos....

Papéis velhos...

Papel em branco.....

. A escrever qualquer coi...

Outros Papiros

licensecreativecommons

Licença Creative Commons
A obra Cleopatramoon de Cleopatramoon Blogue foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Partilha nos Mesmos Termos 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em cleopatramoon.blogs.sapo.pt.

favoritos

Eu sou a tempestade

Desiderata

Choveu

Pássaros

Aquele traço de escrita

Pai

Amanhã Hoje é dia da Cria...

Março 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

subscrever feeds