Segunda-feira, 5 de Setembro de 2022

Amiga

199650_372604179478573_1780767939_n.jpg

 
 
Uma amiga é assim uma espécie de espelho.
Ainda não olhaste para ele e já devolve a tua imagem.
Sabe-te as noites de insónia e as manhãs de pressa.
Sabe quantas horas vais ganhar ou perder antes de saberes e sabe sempre o resumo daquela história de que fizeste parte e a que nem assististe exactamente por isso.
Sabe-te os pormenores, os risos, a faceta mais marcante, as caretas e talvez alguma lágrima que sem querer lhe ofereceste em partilha.
Uma amiga vai ficando, devagarinho e pensas sempre que quando forem velhinhas podes contar com ela.
E desatas a imaginar festas de cotas a rir às gargalhadas e a imaginar patetices e a empolgar o que nunca fizeram...
Uma amiga serve para tudo, até para parvoar e inventar disparates.
A amizade é isso que vai ficando em partilhas de tudo,... coisas de mulheres... coisas de amigas.
 
5 Setembro 2012
 
 ACCB
escrito no papiro por ACCB às 23:17
link | Escreva no Papiro | juntar aos escribas

Muezim

 

118850509_2803224839777076_3019836014976749153_n.j

Muezim
Ecoa melhor quando a luz estremece na tarde e não há sons porque tudo se aquietou com o calor que sufoca.
Se for à beira do rio Nilo chama-te os olhos para a água, como se bebessem cada entoação.É tão estranho o arrepio ainda que o dia não tenha sequer espaço para arrepios.
Tem horas para se fazer ouvir mas surpreende sempre, com o tom poderoso de cada uma das 5 vezes que acontece...pelo alvorecer, ao meio-dia com o Sol no seu ponto máximo, entre o meio-dia e o pôr do sol e logo após o pôr do sol mas antes da meia noite.
A que mais me toca é sempre a que é feita antes do pôr do sol... afinal nós também olhamos essa hora como uma glorificação a mais um dia de Vida embalados na Esperança de que outro dia nascerá ... deve haver uma conjugação de energias para que essa hora seja mais sagrada...
Não sei antes dos megafones como era mas, devia passar-se de boca em boca como um pássaro que chama para seguir rumo ao sul.
Antes da chamada o ritual da purificação que a água percorre transparente pelas mãos e braços, pelos pés, pela cabeça e rosto....pela boca.
E ajoelhar na direção que só eles sabem e nós tentamos entender.
Não importa se não professo a mesma religião...
Nao importa se não falo a mesma língua...(que imensa torre de babel somos...), nem me importa as palavras que proferem que podem até não me dizer nada.
É o tom que é apelativo, como uma contemplação, uma união de vontades, um parar na vertigem do dia para nos reencontrarmos.
A voz tem o apelo poderoso da oração ... e qualquer oração/contemplação, em qualquer ponto do planeta ( no Tibete,...em Israel... num templo,...à beira de um rio, em frente ao mar,... descalços, sentados de pernas cruzadas,... em silêncio, de olhos fechados,), tem o poder de unir.
Que bom, que um dia, uma Voz nos sintonizasse a todos, pela mesma hora ainda que o Sol nasça e se ponha em horas diferentes nos pontos diferentes de onde o olhamos.
Que bom, que um dia, uma Voz nos dissesse que unidos no mesmo sentido independentemente das nossas crenças e vontades. somos mais fortes, mais unos, menos belicosos e com Dignidade coexistimos.
Porque nós não nos subjugamos, nós coexistimos. É o que a Dignidade nos impõe...
 
5 Setembro 2020
ACCB
escrito no papiro por ACCB às 23:05
link | Escreva no Papiro | juntar aos escribas

Sísifo

sintra-caminho-pontes-9-683x1024.jpg

Recomeça...
Se puderes
Sem angústia
E sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.

E, nunca saciado,
Vai colhendo ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar e vendo
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças...

escrito no papiro por ACCB às 11:44
link | Escreva no Papiro | juntar aos escribas (1)

De Perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

últimos papiros

Mundialmente falando

NÓS

CRÓNICA

DESOBEDIÊNCIA 11.11.22

Equilíbrio

A Invenção do Amor

O Mar dos meus Olhos

Escritora Serei?

Palavras para quê?

Agustina Bessa-Luís

Regressemos.................

12.10.22

A vida em prémio Nobel

Outono e Setembro

God Save the Queen

Amiga

Muezim

Sísifo

Poesia

Laco di Como...

Ser Juiz

10.08...............

TOP GUN

3 de la tarde

Tarde de trovoada Feriado...

Engolir o Universo

A Justiça

ÀS VEZES É PRECISO

Palavras Interditas

Eugénio de Andrade

Lar

Tudo vem.......

demora-te... vai....

A minha Tática

Se..........

Anel

......trago todos os chei...

Ah, abram-me outra realid...

Bom e Expressivo

A fronteira.......

Receita para escrever um ...

À cause de 1 post da Filo...

Que quereis?

Acima da Lei

Sem mim

Abril de 2022- 49ª Edição...

Tango

Eu nem sabia........

A Escrita

Quando nos morre ...........

Outros Papiros

licensecreativecommons

Licença Creative Commons
A obra Cleopatramoon de Cleopatramoon Blogue foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Partilha nos Mesmos Termos 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em cleopatramoon.blogs.sapo.pt.

favoritos

Será que não aprendemos n...

...escrever...

BOM DIA!

Uma história com 50 anos

Como se chorar fizesse Ju...

Design no escuro

imperdível de Ferrante

Here I go again

A minha coisa preferida d...

Eu sou a tempestade

Novembro 2022

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30

subscrever feeds